Escola online… outra vez.

Ontem começou mais uma temporada daquilo que, na essência, é tudo menos Escola. A Escola é para se viver com o corpo, com todos os sentidos possíveis, em comunhão com os que dela fazem parte. No entanto, tendo em conta as circunstâncias, compreendo esta tomada de decisão. Apenas lamento a azáfama em que os professoresContinue a ler “Escola online… outra vez.”

O que cabe neste livro?

Elefantes Não Entram de Lisa Mantchev ilustrado por Taeeun Yoo, Bichinho de Conto. “Numa sociedade, se houver espaço, nunca há conflito”. Esta frase de Afonso Cruz (em “Jesus Cristo Bebia Cerveja”) podia muito bem ser uma apreciação deste Elefantes Não Entram. Como é que uma frase tão séria, de um livro para adultos, pode serContinue a ler “O que cabe neste livro?”

O que cabe neste livro?

Menino Menina, de Joana Estrela, Planeta Tangerina Por estes dias fará dois anos que frequentei uma formação sobre género na infância no Teatro Municipal São Luiz. Esta formação foi feita a par com a exibição do espetáculo “É pró menino e prá menina” de Catarina Requeijo. Embora o assunto não me fosse de todo desconhecido,Continue a ler “O que cabe neste livro?”

O que cabe neste livro?

tao – fragmentos do caminho chinês do Mestre Laozi, Manuel Ollé e Neus Caamaño. Pequena Fragmenta. Este foi o primeiro livro que comprei durante o confinamento em março desde ano. E não podia ter escolhido melhor. Tal como para muita gente, este confinamento teve para mim o significado de ficar sem trabalho. Eu estava quaseContinue a ler “O que cabe neste livro?”

E vocês sabem se eu sou cigana?

Iniciei um projeto novo com uma das turmas de 2º ano. Andava cheia de vontade de lançar este desafio a esta turma particular: por um lado, porque são aqueles que mais necessidade têm revelado de momentos para pensar, pensar criticamente sobre certos assuntos. Por outro lado porque, até à data, são o grupo que demonstrouContinue a ler “E vocês sabem se eu sou cigana?”

As Artes Plásticas na Educação – ativismo e representatividade

Ter iniciado a nova aventura de dar aulas de Expressões Artísticas e Artes Plásticas ao 1º Ciclo fez-me refletir imenso sobre Educação, o mundo das Artes nas suas várias manifestações e na responsabilidade que tenho em mãos. Cada vez mais, torna-se urgente que a Arte seja entendida como uma parte importante da Educação pois “atravésContinue a ler “As Artes Plásticas na Educação – ativismo e representatividade”

Racismo e Educação: que relação?

Nos últimos tempos tem-se falado mais sobre racismo, é verdade. Mas também é verdade que falar sobre o assunto não significa uma efetiva mudança nas estruturas que o promovem. Na semana passada estive presente numa formação sobre o racismo na Educação em Portugal ministrada por Cristina Roldão promovida pelo Museu Nacional de Etnologia. Este diaContinue a ler “Racismo e Educação: que relação?”